quinta-feira, 10 de junho de 2010

Somos o sal da terra? Sabemos ser a luz no mundo?

Após um longo período de recesso, devido a atribuições, volto para refletir um pouco com vocês. A reflexão a seguir é de autoria de um amigo on-line, Frei Bento, participante do fórum "Religião e Espiritualidade" do Yahoo Respostas.

--------------------------------------------------------------

A alguns dias a liturgia refletiu o evangelho de Mt 5,13-16.

Jesus nos faz seus discípulos-missionários, como nos chama o Documento de Aparecida..., somos todos discípulos e também missionários, e este discipulado se traduz em ações, somos o sal da terra, aquilo que dá o verdadeiro sabor ao mundo.

O Evangelho de João nos fala sobre Jesus, luz resplandece nas trevas, mas as trevas não a compreenderam.
E é para dissipar essas trevas da incompreensão que o Senhor nos envia , como luz, a luz que não pode ficar oculta , como luzes para iluminarmos o mundo, através de nossas boas obras.

O cristão que não iluminar , que não transparecer em seus atos os atos de Jesus, que não transbordar de luz o mundo, transforma a si mesmo e o mundo em trevas. Como aquelas em que vivem aqueles que não O compreenderam.

A sabedoria do cristão está em ser o sal que dá sabor na dosagem certa sem tornar amargo, e de ser a luz que ilumina sem cegar o outro.

Foi assim que Jesus agiu, e para ser assim que Ele nos enviou.

Somos sal da terra e luz do mundo, ou apenas somos amargura e espalhamos as trevas por onde andamos?

Bento, frade menor e pecador.

--------------------------------------------------------------

Ser cristão, viver como cristão, vai além de nosso querer. É necessário doação incondicional a causa do Reino, ir e pregar o evangelho, fazendo brilhar a luz de Cristo que há em nós, temperando o mundo com um sabor suave, na medida certa, sem mais nem menos, e, esse equilibro, só conseguimos pela oração constante.

Abraços a todos

Um comentário:

  1. Ser sal e Luz em meio a uma sociedade que desconhece a Deus é uma missão que só podemos cumprir apoiados no Mestre que prometeu estar conosco todos os dias.
    Margareth

    ResponderExcluir